Medical elective: Intercâmbio + estágio de medicina

Dentre os cursos de graduação medicina se apresenta como um dos que intercâmbio se torna mais difícil – especialmente pelo fato que algumas universidades, com a volta do estudante, não garante equivalência de matérias. Pensando nisso encontrei um tipo especial que, além de equivaler, ainda permite que o acadêmico estagie e receba um certificado especial. Esse sonho se chama “electives”.

O electives, apesar de não ser tão conhecido no Brasil, é uma prática bastante comum nos Estados Unidos e, principalmente, nos países europeus. Os destinos escolhidos são os mais variados: desde países tradicionais de intercâmbio até cidades da África subsaariana (sendo esse destino um dos preferidos pelos aspirantes a médicos europeus pela grande oportunidade de vivenciar uma cultura diferenciada).

download (16)O “elective” consiste em um período de estágio do internato do curso de medicina em que o acadêmico pode estagiar em qualquer local de sua preferência, desde que seja aceito pela instituição. O tempo de estágio é curto – um ou dois meses a depender da universidade. Por falta de conhecimento, muitos jovens permanecem estagiando nos hospitais vinculados à sua universidade, perdendo com isso a oportunidade de vivenciar uma outra realidade.

Para realizar o elective é necessário antes que o aluno pesquise pela internet quais universidades no exterior possui (pode ser de qualquer língua) e como se inscrever. Todas elas cobram uma taxa pelo curso, que pode variar entre bem barato à exorbitante. As universidades americanas e australianas cobram valores altíssimos, enquanto as da Europa; África; Ásia e América do Sul cobram taxas muito mais baixas.
Quem já fez essa modalidade de intercâmbio recdownload (15)omenda-se que o planejamento ocorra com pelo menos um ano e meio antes, afinal há muito o que se preparar. É preciso verificar se o destino que irá precisa de visto e, especialmente, se necessita de prova de proficiência. Acredite, grande parte delas exige e, muitas, pedem um tempo de no máximo dois anos entre a prova e o estágio. Outra questão é que não somente os brasileiros sabem dessa possibilidade, todavia estudantes do mundo inteiro também irão se programar para isso. Por esse motivo, as vagas costumam acabar um ano antes de começar os estágios. Com isso, fique atento ao prazo para se inscrever com antecedência!

Antes mesmo de você se programar, é importante que vá na coordenação do seu curso na universidade e converse com o coordenar sobre essa possibilidade. Assim, ele poderá mostrar quais os meses liberados para o elective e se já existe alguma parceria com outra universidade.

images (4)Talvez você esteja pensando que seja muita burocracia para esse processo, mas pensem nas vantagens. Além de ser uma experiência de vida totalmente diferenciada do que qualquer intercâmbio poderá te proporcionar, aparecerá no seu currículo com um bom plus. É importante lembrar que para todos que sonham em fazer residência fora, essa etapa é necessária.

Outra dica que dou é para expandir seus horizontes. Escolha um lugar que deseje ir e que talvez não vá ter grandes oportunidades no futuro. Escolha novas realidades, escolha impactos, escolha viver intensamente. Boa sorte!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *